Chapecoense é derrotada pelo Botafogo-SP e vê título da Série B mais distante

Com uma atuação pífia, a Chapecoense praticamente deu adeus às chances de conquistar o título da Série B do Campeonato Brasileiro neste sábado ao ser derrotada pelo Botafogo-SP por 3 a 0, no estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP), pela 33.ª rodada. O destaque foi o polivalente Jeferson, autor dos três gols.

Sem ganhar há duas rodadas, a vice-líder Chapecoense estacionou nos 63 pontos e viu o América-MG abrir três de vantagem na ponta. Faltando cinco rodadas, o time catarinense precisaria de pelo menos duas para passar o líder, pois leva desvantagem no número de vitórias.

Por outro lado, o Botafogo-SP encerrou um jejum de cinco partidas, mas a situação ainda é delicada. O time paulista não saiu da 19.ª e penúltima colocação e chegou aos 30 pontos, sete a menos que o Vitória, primeiro fora da zona de rebaixamento.

Pelo primeiro tempo, o Botafogo-SP era quem brigava pelo acesso e a Chapecoense contra o rebaixamento. O time da casa começou em cima, fez o goleiro João Ricardo trabalhar duas vezes e abriu o placar aos 18 minutos com Jeferson completando, de cabeça, cruzamento de Ronald.

No minuto seguinte, veio o segundo do Botafogo-SP. Ronald fez boa jogada e cruzou. Matheus Anjos perdeu gol feito, mas Jeferson salvou o companheiro ao completar mesmo caído. A Chapecoense só foi acordar nos minutos finais, quando Anderson Leite exigiu boa defesa do goleiro Igor e Anselmo Ramon errou dentro da pequena área.

O panorama da partida não mudou depois do intervalo. Val quase fez o terceiro logo aos 40 segundos ao passar por três marcadores e parar em João Ricardo. Mas, aos 14 minutos, Jeferson aproveitou rebote do goleiro e de primeira fechou o placar.

Totalmente abatida em campo, a Chapecoense esteve perto de fazer o gol de honra com Felipe Garcia, mas o cabeceio explodiu no travessão. Depois disso, a partida seguiu morosa até o apito final do árbitro.

Os dois times voltam a campo nesta terça-feira, pela 34.ª rodada. O Botafogo-SP recebe o Sampaio Corrêa, às 19h15, novamente em Ribeirão Preto, enquanto que a Chapecoense enfrenta o Figueirense, às 21h30, na Arena Condá, em Chapecó (SC).

FICHA TÉCNICA

BOTAFOGO-SP 3 x 0 CHAPECOENSE

BOTAFOGO-SP – Igor; Raniele, Robson, Walisson Maia e Guilherme Romão (Martinelli); Val (Caetano), Victor Bolt, Jeferson (Cássio Ortega) e Matheus Anjos (Bady); Michel Douglas e Ronald (Dudu Hatamoto). Técnico: Moacir Júnior.

CHAPECOENSE – João Ricardo; Ezequiel (Alan Santos), Felipe Santana, Derlan e Matheus Ribeiro; Anderson Leite, Willian Oliveira (Vini Locatelli) e Denner; Mike (Felipe Garcia), Aylon (Bruno Silva) e Anselmo Ramon (Perotti). Técnico: Umberto Louzer.

GOLS – Jeferson, aos 18 e aos 19 minutos do primeiro tempo; Jeferson, aos 14 minutos do segundo tempo.

CARTÕES AMARELOS – Val, Victor Bolt e Jeferson (Botafogo-SP); Bruno Silva (Chapecoense).

ÁRBITRO – Denis da Silva Ribeiro Serafim (AL).

RENDA E PÚBLICO – Jogo com portões fechados.

LOCAL – Estádio Santa Cruz, em Ribeirão Preto (SP).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *