ATUAÇÕES: Arrascaeta e Willian Arão se salvam em derrota do Flamengo para o Fluminense

Após abrir o placar com Arrascaeta, o Flamengo voltou mal do intervalo e sofreu a virada do Fluminense: derrota por 2 a 1 no Maracanã, que mantém o Rubro-Negro com 49 pontos no Brasileirão. Confira as notas do LANCE! (Por Matheus Dantas - matheusdantas@lancenet.com.br)

Após abrir o placar com Arrascaeta, o Flamengo voltou mal do intervalo e sofreu a virada do Fluminense: derrota por 2 a 1 no Maracanã, que mantém o Rubro-Negro com 49 pontos no Brasileirão. Confira as notas do LANCE! (Por Matheus Dantas – [email protected])
Lance! Galerias
HUGO SOUZA - 5,0 - Depois de passar boa parte do primeiro tempo sem ser exigido, o goleiro do Flamengo fez duas boas intervenções, mas nada teve o que fazer nos gols sofridos.

HUGO SOUZA – 5,0 – Depois de passar boa parte do primeiro tempo sem ser exigido, o goleiro do Flamengo fez duas boas intervenções, mas nada teve o que fazer nos gols sofridos.
Lance! Galerias
 RODRIGO CAIO - 4,5 - A tranquilidade vivida pela defesa do Flamengo no primeiro tempo deu lugar aos velhos problemas defensivos na etapa final. Rodrigo Caio, que costuma ser seguro no combate, sofreu com os avanços tricolores.

RODRIGO CAIO – 4,5 – A tranquilidade vivida pela defesa do Flamengo no primeiro tempo deu lugar aos velhos problemas defensivos na etapa final. Rodrigo Caio, que costuma ser seguro no combate, sofreu com os avanços tricolores.
Lance! Galerias
NATAN - 5,0 - No primeiro tempo, com o domínio do Flamengo, pouco foi exigido no combate a Fred & Cia. Na volta do intervalo, o cenário foi totalmente alterado, e o zagueiro se viu envolvido pelo ataque rival.

NATAN – 5,0 – No primeiro tempo, com o domínio do Flamengo, pouco foi exigido no combate a Fred & Cia. Na volta do intervalo, o cenário foi totalmente alterado, e o zagueiro se viu envolvido pelo ataque rival.
Lance! Galerias
FILIPE LUÍS - 3,5 - Uma atuação em classico para esquecer do lateral-esquerdo. As falhas nos dois gols do Fluminense, é claro, tiveram impacto direto na virada sofrida pelo Flamengo.

FILIPE LUÍS – 3,5 – Uma atuação em classico para esquecer do lateral-esquerdo. As falhas nos dois gols do Fluminense, é claro, tiveram impacto direto na virada sofrida pelo Flamengo.
Lance! Galerias
WILLIAN ARÃO - 6,0 - O total domínio do Flamengo fez o camisa 5 ter papel fundamental na saída de bola. Além disso, foi bem nas recuperações e nas viradas de jogo, e ainda quebrou um galho de zagueiro no fim.

WILLIAN ARÃO – 6,0 – O total domínio do Flamengo fez o camisa 5 ter papel fundamental na saída de bola. Além disso, foi bem nas recuperações e nas viradas de jogo, e ainda quebrou um galho de zagueiro no fim.
Lance! Galerias
GERSON - 5,5 - O Coringa teve uma apresentação abaixo do nível habitual. Pouco participativo no ataque, não conseguiu contribuir no meio de campo de forma a diminuir o crescimento do rival na etapa final.

GERSON – 5,5 – O Coringa teve uma apresentação abaixo do nível habitual. Pouco participativo no ataque, não conseguiu contribuir no meio de campo de forma a diminuir o crescimento do rival na etapa final.
Lance! Galerias
EVERTON RIBEIRO - 6,0 - Se não comprometeu, o camisa 7 também não deu ao time muito mais do que as boas jogadas nos primeiros 40 minutos de jogo, incluindo o lance que deu origem ao gol de Arrascaeta.

EVERTON RIBEIRO – 6,0 – Se não comprometeu, o camisa 7 também não deu ao time muito mais do que as boas jogadas nos primeiros 40 minutos de jogo, incluindo o lance que deu origem ao gol de Arrascaeta.
Lance! Galerias
ARRASCAETA - 6,5 - Além do oportunismo mostrado para abrir o placar no Maracanã, o uruguaio ainda esteve envolvido nos principais lances do Flamengo. Em cobrança de falta, por exemplo, acertou o travessão de Marcos Felipe.

ARRASCAETA – 6,5 – Além do oportunismo mostrado para abrir o placar no Maracanã, o uruguaio ainda esteve envolvido nos principais lances do Flamengo. Em cobrança de falta, por exemplo, acertou o travessão de Marcos Felipe.
Lance! Galerias
BRUNO HENRIQUE - 5,5 - Além do sucesso em uma ou outra jogada individual, o atacante não viveu grande noite. Teve uma grande chance, em cruzamento de Isla, mas não conseguiu finalizar bem.

BRUNO HENRIQUE – 5,5 – Além do sucesso em uma ou outra jogada individual, o atacante não viveu grande noite. Teve uma grande chance, em cruzamento de Isla, mas não conseguiu finalizar bem.
Lance! Galerias
GABRIEL BARBOSA - 5,0 - Desperdiçou uma grande chance logo no primeiro minuto de jogo e, depois disso, não teve uma apresentação positiva. Apesar da boa movimentação, tomou decisões erradas.

GABRIEL BARBOSA – 5,0 – Desperdiçou uma grande chance logo no primeiro minuto de jogo e, depois disso, não teve uma apresentação positiva. Apesar da boa movimentação, tomou decisões erradas.
Lance! Galerias
DIEGO RIBAS - 6,0 - Foi a primeira cartada de Rogério Ceni e, diante de um Fluminense retraído, o camisa 10 não conseguiu dar nova alternativa ao time do Flamengo.

DIEGO RIBAS – 6,0 – Foi a primeira cartada de Rogério Ceni e, diante de um Fluminense retraído, o camisa 10 não conseguiu dar nova alternativa ao time do Flamengo.
Lance! Galerias
PEDRO - 6,0 - Entrou no lugar de Gabriel Barbosa e, em pouco mais de 20 minutos em campo, só conseguiu finalizar uma vez na direção da meta de Marcos Felipe, do Fluminense.

PEDRO – 6,0 – Entrou no lugar de Gabriel Barbosa e, em pouco mais de 20 minutos em campo, só conseguiu finalizar uma vez na direção da meta de Marcos Felipe, do Fluminense.
Lance! Galerias
RODRIGO MUNIZ - Sem nota - Já entrou nos minutos finais da partida.

RODRIGO MUNIZ – Sem nota – Já entrou nos minutos finais da partida.
Lance! Galerias
PEPÊ- Sem nota - Já entrou nos minutos finais da partida.

PEPÊ- Sem nota – Já entrou nos minutos finais da partida.
Lance! Galerias
ROGÉRIO CENI - 4,0 - Após um primeiro tempo dominante, o Flamengo desmoronou após o intervalo. Desorganizado e pouco intenso, voltou a errar defensivamente e não soube reagir ao crescimento rival. Substituições não surtiram efeito e a derrota, de virada, foi justa.

ROGÉRIO CENI – 4,0 – Após um primeiro tempo dominante, o Flamengo desmoronou após o intervalo. Desorganizado e pouco intenso, voltou a errar defensivamente e não soube reagir ao crescimento rival. Substituições não surtiram efeito e a derrota, de virada, foi justa.
Lance! Galerias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *