Após crise de apendicite, Ricardo Graça passa por cirurgia e vira desfalque no Vasco

Lance

Lance
Lance

Ricardo Graça viajou para Goiânia e tinha grande chance de ser titular nesta quinta-feira, no jogo do Vasco contra o Atlético-GO. Mas quando a escalação foi divulgada, o zagueiro não estava nem entre os reservas. A questão é clínica e foi explicada pelo chefe do departamento do clube, Marcos Teixeira. O jogador será desfalque nos próximos jogos.

– Venho tranquilizar a torcida. Ricardo Graça sentiu fortes dores abdominais. Passou por exames que teve resultados inconclusivos. Veio para o Rio por uma aeronave própria. Ele foi diagnosticado com apendicite aguda e passou por procedimento cirúrgico acompanhado pelo doutor Carlos Fontes (também do clube) – afirmou Teixeira, que completou:

– Ele (Ricardo) tem previsão de alta ainda nesta sexta-feira. Esperamos que ele se recupere em breve e que, nas próximas semanas, esteja de volta ao Vasco da Gama – projetou.

​Habitualmente, em casos de apendicite seguida de cirurgia, o período mínimo de recuperação é de duas semanas. Deste modo, o zagueiro desfalcaria o Vasco nos jogos contra Botafogo (dia 10/1), Coritiba (16/1) e Red Bull Bragantino (20/1).

No lugar de Ricardo jogou Werley. A linha de defesa terá outra mudança para o jogo deste domingo, contra o Botafogo. Léo Matos recebeu o terceiro cartão amarelo da série e cumpre suspensão automática.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *