Algoz no passado, Carlos Tevez está mais uma vez no caminho do Peixe

Lance

Lance
Lance

O confronto entre Santos e Boca Juniors marcará o reencontro do Peixe contra um dos jogadores adversários mais marcantes na história do clube, ao menos nesse século. Apesar de não ter feito muitos duelos contra o Santos, Carlos Tevez esteve em jogos históricos, com final e goleada, partidas que marcaram negativamente o torcedor alvinegro.

O primeiro desses confrontos foi na final da Copa Libertadores de 2003. Com 19 anos, Tévez foi titular e peça importante de um Boca Juniors que venceu os Santos nos dois confrontos daquela decisão. Ele marcou um gol nos minutos finais do segundo duelo, no Morumbi.

Contratado pelo Corinthians quando tinha 21 anos, Tevez chegou para mudar o time de patamar. O primeiro grande desafio dele foi no Paulistão de 2005, contra o Peixe de Robinho. Vitória santista, por 3 a 0.

Já no Campeonato Brasileiro daquele ano, Tevez e o Corinthians dariam o troco. Vitória nos dois turnos. A primeira por 3 a 2, no polêmico jogo remarcado após escândalo de arbitragem envolvendo Edilson Pereira de Carvalho (o Santos tinha vencido por 4 a 2 o jogo que foi anulado). A segunda partida, uma goleada de 7 a 1, com três gols e show do argentino.

Contra o Santos, Tevez tem seis jogos, quatro vitórias e duas derrotas. Seus times marcaram 15 gols (quatro dele) e sofreram oito. A segunda derrota foi no Paulistão de 2006, 1 a 0, gol de Geílson.

Agora, com 36 anos, Tevez comanda o Boca Juniors contra o Santos mais uma vez. A primeira partida será nesta quarta-feira, 19h15, em La Bombonera. A volta, na Vila Belmiro, está marcada para 13 de janeiro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *