Gasolina sobe pela 6ª semana, mas etanol só compensa em 3 Estados

Gasolina acumula alta de 3% em seis semanas

Gasolina acumula alta de 3% em seis semanas
Evandro Leal/Agência Freelancer/Folhapress

O preço médio cobrado pelo litro da gasolina nos postos brasileiros subiu pela sexta semana seguida e passou ser R$ 4,565, valor 1,06% superior ao do período anterior. Os dados são da ANP (Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis).

Mesmo com a valorização da gasolina, que supera os 3% no período de ganhos, abastecer com etanol só vale a pena nos Estados de Goiás, Minas Gerais e São Paulo. Em todo Brasil, o litro do álcool combustível subiu 0,75% na semana e custa, em média, R$ 3,204.

A comparação leva em conta que utilizar o etanol só vale a pena quando o valor do combustível custar menos do que 70% do preço cobrado pela gasolina. A análise considera que o veículo com álcool gasta mais litros para percorrer a mesma distância do que com gasolina.

A maior vantagem desta semana foi verificada em Goiás. Nos postos do Estado, o preço médio pago pelo litro do etanol é de R$ 3,298 e o da gasolina sai por R$ 4,792. Com isso, a proporção fica em 68.82%.

Na sequência, aparecem Minas Gerais (68,84%) e São Paulo 70,95%), Estado responsável pelo etanol mais barato do Brasil (R$ 3,039) e onde o motorista pode escolher com qual combustível abastecer e não terá prejuízo.

O cálculo revela ainda que o biocombustível deve ser evitado principalmente nos Estados do Rio Grande do Sul (92,6%), onde o preço médio do etanol é o mais alto do país (R$ 4,287). Na sequência, aparecem o Pará (87,36%), Roraima (83,96%), Santa Catarina (83,78%) e Maranhão (83,53%).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *